Resenha: A amante / Danielle Steel

Resenha: A amante / Danielle Steel

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

280 páginas || @writer.daniellesteel || @grupoeditorialrecord


Sinopse: A grande dama do romance está de volta com uma trama de riqueza e poder, onde o amor e a liberdade podem ser os desejos mais perigosos. A beleza de Natasha Leonova foi sua salvação. Resgatada das ruas de Moscou pelo bilionário russo Vladimir Stanislas, há anos ela vive sob sua proteção em um mundo de luxo, glamour e negócios escusos, dos quais ela nada sabe. A casa deles é o mundo. A bordo de um incrível iate, eles vão para onde querem. Mas, para fazer parte da vida de Vladimir, ela tem de aceitar suas regras: nada de filhos ou casamento. Em troca de segurança e conforto, ela é dele e de mais ninguém. Theo Luca é filho de um dos maiores artistas do século XX. Ele herdou do pai não só o talento para a pintura como também um valioso patrimônio. Ele e a mãe frequentemente expõem as obras de Lorenzo Luca no restaurante que a viúva mantém em homenagem ao falecido marido em uma comuna na França. Theo é muito dedicado ao trabalho e luta para ser reconhecido como um grande pintor; porém, um belo dia, ele comete um erro grave: apaixona-se pela amante de um dos homens mais poderosos do mundo. Mas talentoso pintor é o retrato de um mundo novo, que abre os olhos de Natasha para uma realidade com a qual ela pensava que só poderia sonhar.


Olá leitores, hoje trago a resenha do livro A AMANTE, que recebemos em parceria com o Grupo Editorial Record e que foi resenhado pela colaboradora, Elizabeth.

Natasha Leonova é uma jovem russa, cuja infância foi muito complicada.

Crescendo na total pobreza, sua vida muda quando ela cruza com o milionário e poderoso, Vladimir Stanislas.

Parecia ser um caso de amor, mas Vladimir deixou bem claro, que casamento e filhos não estavam no seus planos, e que tudo o que ele queria era uma amante que lhe obedecesse plenamente.

Até que um dia, seu caminho cruza com o pintor Theo Luca, que mostrará que o mundo é mais do que ela achava vivendo sobre a proteção de seu amante.

⠀⠀

🌷Surpreendente.

Essa é a definição dessa história para mim.

A medida que eu fui lendo, fui me encantando por como a Natasha, apesar do medo foi se descobrindo.

A Danielle consegue como sempre escrever dramas, onde a mocinha acaba passando por varias coisas para enfim chegar ao seu final.

E o que eu mais gostei, é que enquanto eu lia, eu achava que ela me levaria para uma linha de pensamento, e via que ela mudava isso e me surpreendia.

E como eu adoro essas surpresas, pra mim foi ótimo.

Eu gosto como a autora sempre coloca a mulher como centro da sua história, e pra mim foi assim que a autora colocou neste livro também.

O final não foi o que eu esperava, e gostei bastante disso.

Recomendo a leitura para os amantes de romance de época, onde a mocinha é o centro total da história.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s