Resenha: 7 dias para sempre

Resenha: 7 dias para sempre

Resenha 🌷

resenhameuromeo

176 páginas || @linesntn || @editoracharme

Olá leitores, hoje trago a resenha do livro 7 DIAS PARA SEMPRE, que é o livro 1.5 da série viajando com Rockstars.
Alerta: se você não leu o primeiro livro, pode conter spoilers.

Depois de terem vivido e se apaixonado durante os 7 dias em que conviveram no Cruzeiro Heart on Fire, o felizes para sempre de Carter e Erin parece se encaminhar.

Quatro anos após o início do relacionamento, enfim está chegando o dia do tão esperado sim.

Só que a fama de Carter cobra um preço e Erin se sente pressionada a ter o casamento do século, cheio de luxo e coisas que ela na verdade não gostaria de ter nesse importante dia.

Além de ter que conviver com o stress de planejar um casamento, Carter está cada dia mais dedicado a banda, e mais Erin sente que ele está cada dia mais ausente.

Para mostrar para Erin que nada mudou, Carter vai ter que mudar todos os seus planos e se entregar novamente a fim de realidade a felicidade de sua futura esposa.
⠀⠀⠀⠀
🌷Este livro acontece no futuro, o casal e apesar de eu ter lido em sequência do primeiro e ele não ter citado nenhum casal especificamente, alguns personagens que ainda não conhecia apareceram, o que pra mim não atrapalhou, muito pelo contrário, já que me deixaram mais curiosa ainda sobre a história.

Ele é um livro curtinho, mas que me fez ter mais um gostinho desse casal que eu amei tanto.

A história é fofa e mostra como o casal tem vivido após este tempo desde que se conheceram, e sabem que eu adoro quando posso ver o casal além do final do livro.

Foi amor demais acompanhar essa história.
A Aline continua escrevendo muito bem e deixando o leitor sempre viciado no livro e doido para saber o que vai acontecer.

Eu amei viver com eles mais um pouco e estou mega ansiosa agora para começar o livro dois que é a história do meu guitarrista favorito.

Já leu algum livro da Aline? Se sim, me conte qual.

Resenha: 7 dias com você / Aline Sant’Ana

Resenha: 7 dias com você / Aline Sant’Ana

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

380 páginas || @line || @editoracharme


Sinopse: Em seu aniversário de vinte e sete anos, Carter McDevitt, o vocalista da banda The M’s, vai ganhar o presente mais inesperado possível.

Seus dois melhores amigos e parceiros da banda, Zane e Yan, o colocam em um cruzeiro com o objetivo de fazê-lo esquecer totalmente a ex-mulher que, além de arrasar seu coração, levou metade dos seus bens embora.

Bem, o que o vocalista não espera é que nesse local serão realizadas estranhas fantasias, além de encontrar um fantasma do seu passado.


Olá leitores, hoje trago a resenha do livro 7 DIAS COM VOCÊ, que é o primeiro livro da série Viajando com Rockstars e que foi publicado pela editora charme.

Carter McDevitt é o famoso vocalista da banda de rock The M’s.

Acabando de passar por um divórcio conturbado e uma enorme decepção com sua ex-esposa, seus melhores amigos e companheiros de banda, Zane e Yan, acabam levando ele para comemorar seu aniversário em um cruzeiro erótico.

A princípio ele não quer ir, mas quando chega lá na primeira festa ele se depara com uma mulher vestida como um anjo e que fará ele repensar sobre o amor.

Só que o que ele não sabe, é que o destino pode as vezes pregar peças que ele jamais imaginou.

 

🌷Começo dizendo que vocês não cansar de me ver falando dos livros da Aline, porque este ano depois que eu conheci as histórias dela eu me apaixonei.

Este livro conta a história do Carter que é aquele típico roqueiro que nós amamos. Famoso, lindo, todo tatuado e com um charme irresistível. Só que não pense que ele é mal humorado ou nada disso, pelo contrário: ele é romântico e fofo demais.

Quando ele parte para o Cruzeiro, eu jamais imaginei os rumos que a história iria tomar.

A Erin é uma moça romântica e que atualmente vive como uma modelo internacional e apesar de ter uma beleza excêntrica, ela infelizmente tem uma auto-estima baixa.

Quando sua amiga lua convence ela a ir para o mesmo Cruzeiro, ela jamais imaginou que seu caminho iria se cruzar com essa famosa banda.

E gente, só posso dizer que esse livro é fogo puro. A Aline escreve um livro hot com uma perfeição que nem sei definir direito.

As cenas quentes são na medida certa, sendo bastante reais e que te fazem imaginar cada cena escrita.

A medida que eu ia lendo o livro, parecia que eu era a própria mocinha da história e que eu que estava vivendo aquelas cenas, tamanha era as descrições feitas com precisão.

O casal é apaixonante demais. Claro que não posso deixar de dizer que esse livro apesar de ser um romance é tão gostoso de ler, que você começa e não consegue parar até chegar a última página.

Me apaixonei demais pela história e estou super ansiosa pra ler os demais dessa série.

Resenha: Até você chegar / Laís Medeiros

Resenha: Até você chegar / Laís Medeiros

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

316 páginas || @lais.amedeiros || @editoracharme


Sinopse: Viver por conta própria na cidade grande não é tão fácil quanto parece. Tentando conciliar a faculdade com um emprego de meio expediente e tantas responsabilidades, a jovem Melissa vê as coisas escaparem de controle de repente e, para evitar que sejam despejadas, Olivia, sua companheira de apartamento, tem uma ideia tão brilhante quanto óbvia: procurar mais uma pessoa para viver com elas. Melissa não nega que é uma boa solução, mas certos receios que ela carrega não permitem que aceite a ideia com tanta facilidade.

Mas porque seus caminhos acabam se cruzando de formas inesperadas com o de Daniel, um rapaz tão lindo e gentil quanto misterioso, e que, a princípio, parece a solução perfeita para seus problemas, se não fosse por um detalhe: ele faz o coração de Melissa bater mais forte. Isso é tudo o que ela vem evitando há anos, enquanto ele não esconde seus sentimentos pela garota marrentinha com olhos cor de mel.

Ver as muralhas que ela construiu ao redor de si enfraquecerem significativamente com a proximidade de Daniel a aterroriza, principalmente diante da sensação de que Daniel é ainda mais fechado do que ela, embora ela não saiba, por enquanto, que ele está disposto a deixá-la invadi-lo depois de tanto fugir disso ao longo de sua vida.

Resta saber quem dará o primeiro passo. Resta saber se é possível que duas pessoas quebradas consigam se completar; se é possível resistir aos obstáculos e segredos no meio do caminho; se é possível deixar o passado completamente para trás e se dar uma nova chance.


Olá leitores, hoje trago a resenha do livro ATÉ VOCÊ CHEGAR, que eu recebi em parceria com a editora Charme.

A vida de Melissa não tem sido tão fácil. Tentando equilibrar os estudos, mas um estágio de meio período que mal dá para pagar as contas, ela e sua amiga Olívia se viram como podem.

O problema é que as contas estão aumentando a cada dia mais, e agora elas se veem obrigadas a procurar uma nova pessoa pra dividir o apartamento.

E quando um homem surge se oferendo para a vaga, apesar de ficar desconfiada, Mel acaba aceitando.

Só que Daniel é mais charmoso e fofo do que Mel gostaria que ele fosse, já que ele faz com que seu coração quebrado no passado palpite novamente.

Será que ela será capaz de dar um voto de confiança para esse menino doce e meigo?

⠀⠀⠀⠀

🌷Fofura resume este livro.

É uma leitura tão meiga do início ao fim, que é bem difícil você não se envolver.

É aquele romance clichê que envolve o nosso coração e faz ele ficar quentinho e apaixonado.

A Mel tem suas desconfianças e a medida que seu coração vai se arrumando com a ajuda deste novo colega de apartamento é muito bonito de ver.

Fora que o Daniel é incrível. Um menino meigo, apaixonante, doce, lindo e que qualquer mulher gostaria de ter ao lado.

Eu li o livro bem rápido, de tão fluida que é a escrita da autora.

Você pega e vai se encantando e não consegue parar de ler até chegar a última página.

E o final é emocionante e com um epílogo que faz o nosso coração ficar cheio de amor e ternura.

Para os amantes de um romance clichê e fofo, eu super recomendo esse novo lançamento da editora.

Lançamento: To Hate – Adam Connor

Lançamento: To Hate – Adam Connor

Sinopse:

Você pode se perguntar: quem é Adam Connor? Ele é o ator premiado da Academia e recentemente divorciado que acabou de se mudar para a casa vizinha com o filho. Também é um homem extraordinário e o desgraçado mais espertinho e enfurecedor com quem já me deparei. Vamos ser sinceras aqui, você não iria xeretar por cima do muro para vê-lo, com esperança de que estivesse nu? Não se derreteria depois de observá-lo se exercitando enquanto seu filho de cinco anos o aplaudia? Preciso mencionar aquele abdome, a protuberância enorme em sua calça ou aquele braço erótico? Ah, espere, você nunca o espiaria? Seeeiii… Enquanto eu estava pensando em não invadir e só considerando lhe oferecer um ombro — ou talvez um peito ou dois — no qual chorar (sabe, por causa do divórcio), ele me colocou na cadeia depois de um pequeno incidente. Cadeia, galera! Era para ele me garantir infinitos orgasmos como agradecimento, não uma cela na prisão. Após esse dia, eu estava planejando mentalmente formas de estrangulá-lo em vez de pular em seu colo e fazer amor gostoso. E daí que meu corpo fazia mais do que estremecer quando ele sussurrava coisas safadinhas no meu ouvido? Não posso ser responsável por isso. E quando foi a última vez que ele tinha beijado alguém, de qualquer forma? Quem iria gostar de um beijo que poderia causar infarto? Mesmo que ele e seu filho fossem as melhores coisas desde a invenção do pão de forma — e não estou dizendo que ele era —, eu não podia me apaixonar por ele. Não importava quais promessas ele sussurrasse em minha pele, minha maldição não nos deixaria em paz. Eu não era uma donzela em perigo — podia salvar a mim mesma, muito obrigada —, porém, lá no fundo, ainda torcia para Adam Connor ser o herói da minha história.