Lançamento: Amor pelas coisas imperfeitas

Lançamento: Amor pelas coisas imperfeitas

 

O novo livro do autor de As coisas que você só vê quando desacelera, que já vendeu mais de 70 mil exemplares no Brasil.

Neste livro, o monge zen-budista Haemin Sunim ensina a arte de cuidar de si mesmo e de se relacionar com os outros com a sabedoria e a delicadeza que o tornaram conhecido no mundo todo.

Tratando de temas como aceitação, cura, coragem, família, fracassos, empatia e perdão, ele apresenta suas reflexões sobre como enxergar o mundo e a si mesmo com maior compaixão.

Ele nos mostra que quando aceitamos a nós mesmos – e os defeitos que nos fazem ser quem somos –, podemos ter relacionamentos plenos e gratificantes e nos sentir em paz.

Com lindas ilustrações, este livro vai inspirar você a amar a si mesmo, a sua vida e a todos que fazem parte dela.

Lançamento: Um casamento conveniente / Tessa Dare

Lançamento: Um casamento conveniente / Tessa Dare

Um casamento conveniente
Série Girl Meets Duke – Volume 1
O Duque de Ashbury sofre com marcas que a guerra e o julgamento da alta sociedade londrina deixaram não só em sua pele, mas também em sua autoestima. Contudo, seu título o obriga a ter um herdeiro, e para isso ele precisará encontrar uma mulher que aceite se casar por conveniência, desaparecendo após cumprir suas obrigações de esposa.
Quando Emma Gladstone, uma costureira, aparece na casa de Ashbury para exigir o pagamento de uma dívida, ele vê ali uma grande oportunidade de acordo.
Ele precisa de um herdeiro. Ela precisa de um bom casamento. Os dois estão dispostos a tudo, desde que não envolva seus corações. Mas será que o amor cabe nas entrelinhas de um contrato?
Resenha: O bom partido / Curtis Sittenfeld

Resenha: O bom partido / Curtis Sittenfeld

 

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

318 páginas || Curtis Sittenfeld || @planetadelivrosbrasil


Sinopse: Uma versão moderna e emocionante do clássico Orgulho e preconceito Uma versão da família Bennet – e de Mr. Darcy – como você nunca viu antes. Liz trabalha como escritora em uma revista e, assim como Jane, sua irmã mais velha instrutora de yoga, mora em Nova York. Preocupadas com os recentes problemas de saúde do pai, elas voltam à cidade onde nasceram para ajudar – e acabam descobrindo que tanto a bela casa em que cresceram quanto sua família estão desmoronando. As irmãs mais novas Kitty e Lydia estão ocupadas demais com seus treinos de CrossFit e dietas para arranjar empregos. Mary, a irmã do meio, está fazendo seu terceiro mestrado à distância e quase não sai do quarto, exceto para suas aventuras misteriosas nas noites de terça. E a Sra. Bennet só pensa em uma coisa: como casar suas filhas, especialmente com o aniversário de quarenta anos de Jane se aproximando. Até que chega à cidade o cobiçado médico Chip Bingley, famoso por ter participado do reality show Bom Partido. Em um churrasco de Quatro de Julho, Chip e Jane se interessam imediatamente um pelo outro, mas seu amigo neurocirurgião Fitzwilliam Darcy não tem a mesma sorte com Liz. Primeiras impressões, porém, podem estar erradas.


Olá leitores, hoje trago a resenha do livro O BOM PARTIDO, que eu recebi da parceria da best, Day @lendo1bomlivro com a Editora Planeta.

Liz é escritora de uma coluna em uma revista de Nova York, tem um trabalho sólido e um relacionamento com um amigo à muitos anos.

Ela vive bem e feliz junto com a sua irmã Jane, que é professora de Yoga.

Até que um dia seu pai acaba ficando doente e elas resolvem voltar a sua cidade natal para ajudá-los.

Suas irmãs, Kitty e Jane, só pensam em treinar numa academia de Crossfite e Mary, só quer saber de ficar no quarto estudando.

Enquanto isso a Sra Bennet, quer casar de todo jeitos suas filhas com bons maridos e não perde a oportunidade quando surge a chance de apresentá-las para um dos médicos mais famosos da cidade, o Dr Chip Bingley que participou de um famoso reality show.

Em meio ao eminente relacionamento de Jane e Chip, Liz conhece o melhor amigo de Chip, que é um homem arrogante e metido.

⠀⠀⠀⠀

🌷Este livro é uma releitura do clássico Orgulho e Preconceito, só que escrito de uma forma atual.

Os personagens tem profissões diferentes, possuem uma família e opiniões diferentes, porém com a mesma essência do clássico.

As cenas famosas ainda estão presentes, e apesar de um pouco diferente, ainda me fizeram relembrar totalmente a história.

É como se eu tivesse lendo uma fanfic e isso me deu uma nostalgia enorme da época que eu lia muitas no Orkut (sim, faz tempo kkk). Eu gostei da história, claro que é clichê e que eu já sabia o que iria acontecer, mas gosto de pensar em como seria a história se fosse da forma mais atual, e isso o livro me proporcionou demais.

A Liz é mais atual, e o Darcy é mais apaixonante. A família ainda é uma bagunça, e as irmãs ainda são tão doidinhas como no clássico.

Eu estava com saudades dessa família e gostei da forma como a autora reconstruiu a história.

Recebido: Agora e sempre

Recebido: Agora e sempre

Recebidos

Agora e sempre

350 páginas || Judith McNaught || Editora Bertrand Brasil

Olá pessoal, hoje trago o livro que eu recebi em parceria com a Editora Bertrand Brasil.

Vou deixar abaixo a sinopse e depois trago a resenha pra vocês.


Sinopse: O premiado romance histórico da autora best-seller Judith McNaught com orelha assinada por Carina Rissi. Após perder os pais em um trágico acidente, Victoria Elizabeth Seaton é enviada para a Inglaterra, onde se espera que reivindique seu lugar de direito na sociedade inglesa. Assim que chega à suntuosa propriedade de Jason Fielding, ela é vista por seu tio Charles como a mulher perfeita para o sobrinho. Assustada com a má fama do marquês de Wakefield, Tory jamais pensaria que sob a frieza e a amargura de Jason haveria lembranças de um passado doloroso a atormentá-lo. Ele, por sua vez, acredita ser incapaz de amar de verdade, quem quer que seja. Juntos, Victoria e Jason descobrirão até que ponto se pode conter um coração que quer se entregar e todos os obstáculos que só um amor verdadeiro é capaz de vencer.


 

Resenha: Um estranho irresistível / Lisa Kleypas

Resenha: Um estranho irresistível / Lisa Kleypas

 

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

340 páginas || @lisakleypas || @editoraarqueiro


Sinopse: Uma mulher que desafia seu tempo Dr. Garret Gibson, a única médica mulher na Inglaterra, é tão ousada e independente quanto qualquer homem – por que não lidar com os próprios desejos como se fosse um? No entanto, ela nunca ficou tentada a se envolver com alguém, até agora. Ethan Ransom, um ex-detetive da Scotland Yard, é tão galante quanto secreto, e sua lealdade é um verdadeiro mistério. Em uma noite emocionante, eles cedem a uma poderosa atração mútua antes de se tornarem estranhos novamente. Um homem que quebra todas as regras Ethan tem pouco interesse pela alta sociedade, mas é cativado pela preciosa e bela Garrett. Apesar da promessa de resistir um ao outro depois daquela noite sublime, ela logo será atraída para sua tarefa mais perigosa. Quando a missão dá errado, Garret usa toda a sua habilidade e coragem para se salvar. À medida que enfrentam a ameaça de uma traição do governo, Ethan fica disposto a assumir qualquer risco pelo amor da mulher mais extraordinária que já conheceu. “Kleypas continua a conquistar os corações dos leitores nesse livro dos Ravenels. Não há nada como um romance de Lisa Kleypas.” – RT Book Reviews “Uma história de amor para saborear, com prosa elegante, uma fascinante heroína e uma Londres vitoriana construída com detalhes históricos convincentes.” – Kirkus Reviews


Olá leitores, hoje trago a resenha do livro UM ESTRANHO IRRESISTÍVEL que eu recebi em parceria com a Editora Arqueiro. Este é o quarto livro da série: Os Ravenels.

A Dra Garret Gibson, é a primeira e única mulher médica da Inglaterra. Por ser mulher e viver naquela época onde somente homens poderiam exercer a profissão ela era uma raridade.

E era maravilhosa exercendo a profissão.

Gostava tanto do que fazia que não tinha interesse nenhum em se casar e ter que ficar em casa igual às demais damas de sua época, até que ela conhece o enigmático, Ethan Ramson.

Ethan é ex-detetive da Scotland Yard, e possui tantos mistérios e segredos que muitos nem ousam saber.

Ninguém sabe de que lado está sua lealdade, até que numa noite quando conhece a maravilhosa médica, seu coração bate mais forte e apesar de não querer nutrir nenhum sentimento por ela, seu coração acaba mandando na equação e ele não consegue se manter distante.

⠀⠀⠀⠀

🌷Eis que este livro conseguiu superar o amor que eu tive pelo segundo livro dessa série, Uma noiva para Winterborne.

Tudo porque a história é incrível.

Eu fiquei primeiro, fascinada pelo fato da Garret ser médica numa época que isso era quase impossível para uma mulher.

A força com que ela transmite seus desejos é surreal porque transmite um empoderamento único.

Além disso, temos o romance na história que faz você se apaixonar pelo casal.

Eu li este livro suspirando. Como não amar e torcer pelos dois juntos? Eu adorei que o Ethan não anulava ela em nada e pelo contrário a ensinava a se defender.

Eu fiquei encantada com a história toda e por isso se tornou meu favorito da série.

Mais uma vez a Lisa consegue conquistar meu coração com mocinhas fortes e mocinhos encantadores.

Leia a série toda se você ainda não começou, eu tenho certeza de que vai se apaixonar por todos os livros como eu me apaixonei.

Resenha: You / Netflix

Resenha: You / Netflix

 

You
2018 || Netflix || temporada


SINOPSE: 
Guinevere Beck (Elizabeth Lail) é uma aspirante a escritora, que vê sua vida mudar completamente ao entrar em uma livraria no East Village, onde conhece o charmoso gerente, Joe Goldberg (Penn Badgley). Assim que a conhece, Joe tem certeza de que ela é a garota dos seus sonhos, e fará de tudo para conquistá-la — usando a internet e as redes sociais para descobrir tudo sobre Beck. O que poderia ser visto como paixão se transforma em uma obsessão perigosa, uma vez que Joe não vai medir esforços para tirar de seu caminho tudo e todos que podem ameaçar seus objetivos.


Apaixonante.
Desconcertante.
Assustador.
        Essas três carateristas são um pouco que eu consegui sentir ao assistir essa serie que me deixou completamente maluca e viciada em sua trama real e ao mesmo tempo que nos suga para dentro do seu universo nos faz perceber o quanto os seres humanos são perversos, e vou tentar relacionar os porquês.
       Apaixonante pois é impossível não se encantar com todo o ambiente literário em que se passa a trama, já que Joe o personagem que nos narra toda a história é o gerente responsável de um livraria, daquelas antigas e aconchegantes. Há um paralelo em sua história onde ele ajuda o filho de sua vizinha emprestando ótimas referencias de livros e isso acaba nos presenteando com varias cenas ricas e cheias de significados para toda a narração.
      O Desconcertante entra a partir do momento que Joe se apaixona por Beck e começa a demonstrar um comportamento nada normal, não é apenas dar uma stalkeada nas redes sociais para conhece-la melhor e sim vai desde segui-la com suas amigas até entrar em sua casa casa pegar itens e saber os detalhes mais profundos em sua vida.
      Aqui temos uma grande carga de realidade, pois ele pode ter esse ar de malvado, mas é um ser humano então pode erra e se dar mal como qualquer outra pessoa, ele não age apenas no impulso, analisa todos os resultados para poder assim agir. Joe nos mostra que é capaz de derrubar todos os empecilhos só para poder viver seu amor com Beck, e por outro lado Beck demora a entrar nessa onde de amor já que Joe apesar de certinho não faz seu estilo, ela mostra bem como é o que acontece quando umas das partes não leva a sério manter uma relação.
     Assustador é imaginar e idealizar um amor perfeito e ver que esse amor sem defeitos quando começa a existir pode ser de uma forma exagerada e doentia. Será que ser lembrada de alguma forma depois disso irá valer a pena?
Resenha: As regras do amor e da magia / Alice Hoffman

Resenha: As regras do amor e da magia / Alice Hoffman

Resenha 🌷

#resenhameuromeo

368 páginas || @ahoffmanwriter || @editorajangada


Sinopse: Em 1620, depois de ser acusada de bruxaria por amar um inquisidor, Maria Owens lança uma maldição em todas as gerações de mulheres de sua família: qualquer homem que se apaixonasse por elas estaria condenado à morte. Mais de trezentos anos depois, Susanna Owens mora na cidade de Nova York, com os três filhos adolescentes – a temperamental Franny, a doce Jet e o carismático Vincent -, e faz de tudo para protegê-los, escondendo o passado da família e criando algumas regras: é proibido andar ao luar, usar o tabuleiro Ouija, acender velas, criar gatos e corvos ou ler livros de magia. E o mais importante: é proibido se apaixonar! Mas não demora muito para que os irmãos comecem a descobrir seus poderes sobrenaturais e, junto com eles, os segredos e a maldição que assombra sua família. Agora, precisam buscar uma forma de violar as leis da magia sem sucumbir à maldição de Maria Owens. As Regras do Amor e da Magia é uma história que antecede o clássico cult Da Magia à Sedução, resgatando a história da família Owens e personagens já conhecidos. Um livro sobre magia, coragem e o desafio de aceitar a si mesmo para viver o verdadeiro amor.


Olá leitores, hoje trago a resenha do livro AS REGRAS DO AMOR E DA MAGIA que eu recebi da Editora Jangada.

No ano de 1620, Maria Owens foi acusada de bruxaria por amar um inquisidor, e por isso, jogou uma magia que influenciou todas as pessoas de sua família: todos os homens que amassem um membro da família Owens, estaria fadado a morte prematura.

Após 300 anos a maldição ainda perdura, e é quando Susanna Owens, decide que seus filhos não saberiam da herança trágica de sua família e nem dos poderes ocultos que possuem.

Porém, a medida que Franny, Vicent e Jet crescem, eles percebem que não são iguais às demais crianças.

Percebendo seus dons sobrenaturais, eles acabam descobrindo os segredos que sua família esconde, claro, sem esquecer da regra número 1: nunca deixar que alguém os ame verdadeiramente, pelo menos se não quiser que essa pessoa tenha um final trágico.

🌷Quando eu vi esta capa, eu me apaixonei. E aí, quando recebi da editora como boas vindas da parceria a caixinha contendo o livro, eu fiquei super curiosa sobre o que ele iria me proporcionar.

Não sei se vocês sabem, mas este livro antecede a história das irmãs Sally e Gillian do clássico filme, Da Magia a Sedução.

Neste livro, conhecemos a história da família, e muito mais sobre a maldição que assombra os Owens.

Eu adorei o livro e por ter subcapítulos curtos, você vai lendo tão rapidinho que quando viu, já está na metade da história.

Confesso que quando eu era criança e assisti o filme a primeira vez, eu sempre quis saber mais sobre esta família.

E o melhor do livro é justamente isso.

Ele mistura tanto os laços familiares, seus problemas, seus pensamentos, suas angústias, seus medos e tudo de uma forma tão incrível, que eu não conseguia parar de ler, pois a cada página virada, eu queria saber mais sobre a história dos irmãos Owens.

É um livro de amadurecimento, pois você vai vendo como os personagens vão mudando e se aceitando como são no decorrer da história.

Eu adorei! E se você gostou do filme como eu, e eu acredito que amou, não deixe de ler este livro, pois você vai adora-lo como eu adorei.